Loading...

A nova cadeira ‘Harbour

0 comments
fev 04 2018

Harbour“: simples, mas cheia de boas surpresas.

Sim, ela é muito parecida com a Eames RAR, de 1950 que é precursora de uma série de outras cadeiras com assento e encosto moldado em fibra de vidro – depois em polipropileno, ou seja, plástico moldado – mas a “Harbour” foi lançada em meados de janeiro na feira IMM Cologne, na Alemanha, e já obteve um grande sucesso justamente pelos pequenos detalhes e diferenciais só seus – de mais nenhuma outra peça do mercado. O grande destaque é o detalhe do encosto e braços que de forma sutil se dobram se projetando para fora, o que gera maior conforto.

Disponível em preto, branco, cinza claro, azeitona, vermelho queimado ou cáqui, tem bem as cores e o charme dos ‘fifties‘.

Segundo o fabricante – a dinamarquesa “Menu“, que a encomendou aos também dinamarqueses Norm Architects – o design de ‘Harbour‘ é um “equilíbrio perfeito entre geometria e formas orgânicas“. A cadeira inicialmente foi criada para o novo espaço criativo de coworking da empresa de Copenhagen, que se localiza justamente no porto da cidade – daí seu nome. E como esse espaço congrega escritório, café, show room, e espaço para eventos, a exigência é que a cadeira teria que ser bastante flexível. E agora é possível ver que o esforço foi plenamente alcançado.

‘Flexibilidade’ é a palavra de ordem e a nova peça vai do escritório a casa passando pelo restaurante e pelo auditório com facilidade, garantem seus criadores.

A cadeira Habour é o resultado do cumprimento de uma variedade de necessidades“, afirmou a marca. Achamos que, em breve, a veremos em várias tipologias de projetos: de casas a auditórios, de restaurantes a espaços de trabalho, mostrando que um bom design pode estar em qualquer lugar.

Fonte: Dezeen