Loading...

Entre a cobra e a baleia, uma escada escultural!

0 comments
dez 07 2017

Escultura em madeira: será baleia, será cobra? Uma escada de Öra Ito.

Projetada pelo arquiteto japonês Öra Ito e executada em detalhes pelos franceses da Kozac, essa escada interliga quatro andares de um pequeno prédio de escritórios em Paris, que abriga a divisão de mídia da LVMH (pertencente ao conglomerado Moët Hennessy Louis Vuitton para não identificou a sigla). Trata-se de uma peça feita em madeira, larga, definitivamente escultural: só não se pode afirmar se se trata de uma forma de cobra – “snake” – ou quem sabe de uma baleia – “whale“, segundo seu criador.

 

Uma das visões do sensacional acesso.

Ito afirma que “queria que a escada fosse a peça central do prédio. Esta criatura ondula no espaço, moldando-a e permeando-a. Esta enorme quimera meio baleia, meio cobra, te arrebata, te engole e te cospe direto no piso“. A sensação que se tem é mesmo de um verdadeiro “titã” que entrou prédio adentro e “tomou conta”, por assim dizer, do espaço entre os andares. Mas de uma forma bela, interessante, agradável. Ela, de fato, mexe com quem trabalha ou apenas visita o prédio.

Outra visão do início da escada.

A verdadeira “escultura paramétrica” tem uma estrutura biomórfica, e também poderia ser considerada um tornado em um ambiente de escritório mentalmente sereno, pois os gabinetes de escritórios foram mantidos intencionalmente minimalistas, com a escada e a área de recepção chamando a atenção num contraponto.Cada um dos degraus tem um delicado ponto de iluminação escondido por debaixo deles. Realmente um elemento arquitetural para se observar!

Um detalhe da subida e os degraus iluminados.

 

Fonte: Contemporist