Loading...

Luz, concreto e verde

0 comments
dez 10 2017

A fachada da loja “Acolá” em São Paulo, com tijolinhos: um boa e bem pensada reforma.

Localizada em um antigo sobrado no bairro de Pinheiros em São Paulo, a loja de moda feminina “Acolá“, passou por uma renovação bem interessante. A equipe da Vão Arquitetura, responsável pelo retrofit, com boas ideias e premissas um pouco diferentes, fez um bom trabalho. A loja é larga na frente e vai estreitando em direção ao fundo, o que dificultava a criação de um bom layout e o aproveitamento de espaços.

A área do jardim de inverno com a escada: distribuição das melhores. Note a iluminação que vem do telhado.

Entre as premissas, duas mais importantes: não apenas manter, mas organizar a reforma em torno do jardim de inverno localizado mais ou menos no centro do casarão. A segunda: trazer mais luz para o interior. A primeira proporcionou a criação de um layout interessante e funcional e a segunda levou à abertura de um vão no topo da construção – fechado com vidro – o que também propiciou a uma ventilação natural melhor

O jardim de inverno, a escada e a parte da frente da loja: tudo se relaciona bem.

A entrada é feita pelo nível da rua onde agora quatro grandes janelas na fachada também contribuem para a entrada de mais luz natural para o interior da loja. Depois, um espaço amplo para compras com piso de concreto polido e complementos em madeira de demolição trazem conforto aos clientes. Logo em seguida há espaço para provadores e estantes com livros e acessórios, e então se encontra o jardim de inverno, que organiza a circulação, com a escada que dá acesso ao mezanino e ao primeiro piso. No fundo, espaço mais apertado, ficam estoque e armazenamento.

O interior da loja com acabamento todo em concreto revela o conceito e a simplicidade da marca.

No mezanino ficam o escritório para um pequeno staff e os banheiros. Todo o acabamento interno da loja foi feito em concreto natural, peroba rosa de demolição e metal rústico, tudo inspirado no tipo de roupa que a loja de moda produz, com tecidos naturais e técnicas de artesanato, tingimento e estamparia igualmente naturais. Os materiais para acabamento da loja foram trabalhados no sítio do dono da loja, localizado no interior do estado, e também foram submetidos a tratamentos artesanais de mão de obra do local. Tudo em consonância para criar um espaço onde a luz, o verde, e a simplicidade imperassem.

Fonte: Dezeen