Loading...

Mágica no concreto

1 comment
abr 05 2012
Ao se entrar na biblioteca observa-se o "contorcionismo" feito no concreto.

Cada vez mais moderno e permeável a diversas experimentações, o concreto se reafirma como material de construção que permite um sem número de trabalhos em arquitetura. Os arquitetos do estúdio chinês Archi-Union por exemplo, criaram esta bela e interessante casa no terreno dos fundos da sede de seu escritório. Preservando e integrando uma árvore presente no espaço à planta, “torceram” o material de inúmeras formas criando um espaço sensacional.

A fachada combina concreto e vidro, simplesmente, além da árvore preservada.

Voltada para a área da piscina, a casa conta com uma sala de chá ao nível do solo e com uma biblioteca no primeiro andar, onde uma pequena varanda triangular se estende ao redor da árvore existente. Também há um lounge, uma sala de leitura e um banheiro dispostos para a parte traseira do edifício, que tem um chamado “espaço de transição” entre as áreas mais “públicas” e os espaços privados.

A varanda envidraçada com a árvore e algumas cadeiras.

Pelas imagens se nota o trabalho de projetar a casa e, ao mesmo tempo, o esmero ao fazê-lo. Minimalista e contemporânea, permite mil enquadramentos os mais interessantes a serem explorados com o olhar.

Mais um belo visual da biblioteca do primeiro andar.

Fonte: Dezeen