Loading...

Tendências em 2019

0 comments
dez 26 2018
Tend199

A “selva urbana” ou “urban jungle” é uma das tendências que, ao que parece, permanecerá em 2019.

Quando chega esse momento do ano em que se começa a pensar no que virá – na decoração, no design, na arquitetura, nos estilos – muitos aspectos se confirmam, vários se repetem, alguns se aprova, outros tantos não. E entre visuais, cores, ambientes, toques e jeitos ficamos pensando o que realmente vai “vingar” ou não. Há as que realmente vão estar presentes e há as que vão sumir como sorvete derretido ao calor do verão. Outras aparecerão com força como o sol de janeiro no raiar do dia. Entre tendências confirmadas e as que sumirão, vamos tentar listar aqui algumas que parecem que estarão presentes no futuro próximo.

Cores terrosas

Tend192

Cores do ano escolhidas por fabricantes de tintas no Brasil e a cor do ano para a Pantone.

A maioria dos fabricantes de tintas brasileiros apostou em cores terrosas como sua “cor do ano” para 2019. E se você olhar apenas para “Vivid Coral“, a cor do ano para a Pantone, vai ver que ela também tem uma vertente de “barro e chão”. Logo, o mais provável é que o fim de tarde seja uma inspiração forte nos interiores (e exteriores) no ano que vem. Mas não se deve esquecer completamente do lilás “Ultra Violet“, que foi a cor de 2018: ele também aponta como uma das cores do ano, metamorfoseado em várias tonalidades…

Estilo modernista: sobriedade e sofisticação

Tend193

Cadeira “Três pernas” e cadeira “Bola” de Lina Bo Bardi.

Tend194

“Palmeiras” de Tarsila do Amaral e “A usina” de Picasso.
Exemplos do visual modernista.

Um visual que tem se mostrado em feiras de negócios, mostras e alguns estilos é o estilo modernista: sóbrio e sofisticado e com cores bem específicas também – azuis e verdes nobres, e dourados, por exemplo – formas mais retas com curvas, é uma boa aposta para decoração, moda e arquitetura em 2019. Há mobiliário, arte e itens de design inspirados no movimento, bem como peças originais sendo utilizadas nos projetos, assim como o jeito da época sendo recuperado e inspirando novos trabalhos.

Móveis híbridos

Tend195

Sofá com luminária…

Tend196

…e escrivaninha com espaço para TV: os novos móveis híbridos.

Tem a ver com a redução dos espaços, mas também é uma nova tendência de usar móveis com mais de uma função: integrar mesas a poltronas, espelhos a estantes e sofás com revisteiros não chega a ser uma novidade, mas a volta ao uso dessas combinações o é. A ideia não é bem o aproveitamento de espaço, mais a multifuncionalidade que torna as peças mais interessantes.

Uso de formas curvas

Tend197

Móveis mais redondos, arredondados e amorfos são os preferidos da vez.

Não se pode dizer que elas deixaram de ser utilizadas em algum momento, mas agora há uma “tendência” maior ao uso de formas curvas, ovais, círculos. São móveis e acessórios com formas mais arredondadas que retas, com o predomínio até de formas irregulares, amorfas que podem até ser divertidas. Serão preferidas nos espelhos, tapetes, adornos, etc. É só observar.

Valorização das imperfeições

Tend198

Móveis de demolição, peças resgatadas da floresta e feitas à mão: imperfeições em alta.

Os estilos mais descontraídos como o ‘rústico‘ e o ‘natural‘ levam ao uso de peças feitas à mão ou em materiais mais irregulares como fibras, madeiras e até papelão. E estes itens tendem a ter mais imperfeições que outros feitos em fábricas ou em materiais industriais. Logo, o valor das imperfeições hoje é maior que o de uma peça totalmente perfeita, fabricada em série. É bonito ostentar uma mesa de madeira de demolição ou de um caule retirado da mata. É de valor possuir itens feitos de forma artesanal. Cada vez mais estes itens estão “em alta”.

Formas zoomorfas

Tend191

Peças para casa em formas de animais também estarão em alta.

Uso de todo tipo de peça em forma de animais: do vaso à cadeira, do tapete à luminária, de um tudo pode ser produzido em forma de animais. Há um destaque para peças desse tipo que vão ser exibidas dos livings aos quartos, passando por cozinhas e quartos infantis.

Plantas dentro de casa

Tend1910

Todos os lugares da casa recebendo plantas: é a selva urbana.

Essa tendência emplacou em 2018 e nota-se que permanecerá no próximo ano. A chamada “Urban Jungle” ou “selva urbana” agradou até mesmo a quem não sabe cuidar de plantas e muitos agora têm varandas, cantos, recantos, destinados às plantas ou até vários vasos distribuídos por toda a casa. A ideia é das melhores e demonstra a necessidade humana de estar próximo à natureza, nem que seja de forma “controlada”. E a decoração é muito valorizada pelo uso de um “verdinho” de forma bem colocada. Uma ótima notícia.