Loading...

Três pendentes

0 comments
out 28 2018
TresP5

Toda a beleza do pendente “Oto Rain” em uma sala com pé direito duplo.

No dia a dia do design de interiores uma das coisas que mais chama a atenção são as escolhas das luminárias que se utilizam nos pontos principais de uma casa: livings, jantares, quartos, copas, cozinhas, halls de entrada. Certamente que há corredores, bibliotecas, escadas, escritórios e muitos outros espaços que se destacam justamente pelo uso de uma peça diferenciada ou muito acertada, que definem um ambiente, tornando-o único e especial. Mas algumas luminárias tendem a chamar a atenção de todos onde quer que sejam colocadas. Vamos ver três peças contemporâneas desse tipo que vêm se destacando em vários projetos de interiores.

TresP1

Com 1,40 metros de comprimento e dois acabamentos disponíveis – aço carbono preto ou latão dourado…

TresP2

…o pendente “Penn” de Jader Almeida tem sido um dos preferidos pelos profissionais neste ano.

O pendente “Penn” de Jader Almeida é um dos destaques da temporada 2018. Presente em praticamente todas as mostras “Casa© Cor” do país, ele parece intrincada peça, mas na verdade alude ao equilíbrio que apresenta em sua construção formal. É formado por um conjunto de linhas elementares, delicadamente unidas como em peças de joalheria. Fixada por uma haste, é sustentada por um contrapeso e pode ser girada e movimentada suavemente para cima e para baixo. A lâmpada de filamento tem tudo a ver com o design que lembra verdadeiros aparelhos óticos e científicos do passado.

TresP3

O pendente “Rod” faz bonito quando colocado em composições de várias peças.

A multiplicidade também tem feito sucesso nos interiores. Por isso “Rod“, design de Fernando Prado para a Lumini, tão simples e com poucos apelos, tem se multiplicado por aí. Trata-se de uma linha de luminárias em cobre e alumínio pintado, com tecnologia LED, para uma iluminação suave e pontual. Disponível na versão arandela e pendente, pode ser usado individualmente ou em composições múltiplas, é o que mais se vê por aí. Verdadeiros “cachos” de luminárias sobre mesas centrais, laterais, criados mudos e outras diversas situações. A simplicidade é a tônica, mas reunindo-se vário elementos, se obtêm uma beleza de conjunto.

TresP4

Uma ‘cascata’ ou ‘chuva’ de luz: “Oto Rain” é produzida pela italiana Vistosi.

Para finalizar, os pequenos globos da luminária “Oto Rain” dos italianos Pio & Tito Toso, é apenas um exemplo de como os múltiplos de pequenos globos também têm feito sucesso. Sejam em cascatas, espirais ou verdadeiros “carpetes” estendidos nos tetos, usar uma série deles como se fosse uma única luminária também tem atraído muitos profissionais e donos de casa. No caso específico deste modelo, é necessário um pé direito alto, com pelo menos quatro metros de altura, já que só a luminária tem dois metros de comprimento. Mas graduações e opções ajustáveis existem para todos. Basta procurar que o mercado tem sido generoso com as luminárias multi centradas. E muito bonitas!